Absolutamente TUDO para sua Aprovação na OAB

Blog do Curso Prova da Ordem

Avatar Lucas Avila

por

Advogado, especialista na Prova da OAB e técnicas de estudo.

Quatro verdades sobre o Exame de Ordem

Após a divulgação da lista de aprovados na última edição do Exame de Ordem, muitos dos examinandos que não lograram êxito acusaram o peso do revés e vieram nos procurar nas Redes Sociais. Isso é normal e acontece em qualquer projeto que nos empenhamos e não obtemos sucesso. Todavia, existem muitos fatores que levam o candidato à reprovação no exame de ordem, não é apenas incompetência ou falta de estudos que resultam no mau desempenho.
 
Costumo ressaltar que a reprovação é o maior aprendizado que o candidato pode ter, mas isso irá depender da postura com que ele irá adotar frente a este episódio. E para quem é marinheiro de primeira viagem, aprender com os erros de quem já enfrentou a prova pode fazer diferença para que não passe pelas mesmas coisas. O importante é ser consciente e não cair em prostração.
 
Portanto, nesta publicação irei pontuar algumas coisas que são CERTAS sobre o exame de ordem, que o candidato deve considerar e precisa abstrair antes de enfrentá-lo!!!
 
 

Quem planeja não fraqueja

Com o perdão da rima epigrafada, planejamento é imprescindível. Dentre os tópicos mais destacados aqui no Portal Prova da Ordem, a importância de se ter um cronograma de estudos bem estruturado e adequado à rotina do candidato é algo que nunca deixo de ressaltar. Se o examinando planejou um caminho a ser trilhado e se comprometeu com ele, ao final, as chances de obter êxito são muito animadoras.
 
Todavia, a espiral da desorganização e falta de comprometimento levarão o examinando a um diagnóstico errado sobre a sua falha, o que faz com que ele acabe, muitas vezes, atribuindo a fatores externos seu insucesso. Por essa razão, se o estudante encontra-se dentre os quais não construíram uma estratégia de preparação para encarar a prova, o importante é não perder tempo e fazer diferente desta vez. E se for a primeira prova, fica a dica: a construção de um bom cronograma de estudos adequado a sua realidade deve ser o primeiro passo.

[adrotate banner=”9″]

Material de estudos adequado

Muitos acadêmicos têm o caderno organizado, apostilas devidamente categorizadas e livros que o professor recomendou durante a graduação sempre em dia. No entanto, para o exame de ordem eles pouco serão úteis. Em que pese algumas faculdades direcionem suas aulas na preparação para o Exame da OAB, trazendo questões e destaques para temas recorrentes na prova, a grande maioria, em contrapartida, não prepara seus acadêmicos para esse árduo desafio.
 
Diante da vastidão assuntos exigidos no conteúdo programático disposto no edital, ter um material direcionado é ainda mais importante. Isso não significa, necessariamente, que se deva adquirir livros e outros materiais compilados oferecidos pelo mercado, com certeza é possível construir o próprio material. No entanto, é preciso estar atento aos temas com maior incidência na elaboração de seu material de estudo. Não é necessário focar em doutrina e longos tratados, basta dar prioridade às sínteses e materiais que abordem questões normalmente cobradas na prova.
 
Não quero dizer com isso que o estudo do Direito deva seguir esta linha, mas para ser aprovado no exame de ordem esta é a realidade prática.
 
 

O Exame de Ordem é uma prova de habilitação diferenciada

Diferente dos concursos públicos, que objetivam a seleção dos profissionais mais qualificados para ocupar as vagas disponíveis, no exame de ordem não há um número limite de vagas para os aprovados. Teoricamente, se todos alcançarem a média, todos estarão aptos ao exercício da advocacia. Neste cenário, portanto, o exame de ordem está na categoria de prova habilitatória.
 
Isso deixa, ao mesmo tempo, mais fácil e mais difícil o certame. Pois, na medida em que não há concorrentes, o examinando se torna o seu mais cruel adversário. Afinal, teoricamente, só depende dele. Por isso que uma das frases mais repetidas por aí é que “Basta estudar que passa“. O que, no exame de ordem, não é uma verdade absoluta.
 
Da mesma forma que a maioria das pessoas não gosta de mencionar que reprovou na prova de habilitação para dirigir veículo automotor, por exemplo, o pseudoestigma do revés na prova da OAB é ainda mais pesado. Por essa razão, além de estudar – o que obviamente é o primeiro de todos os requisitos para a aprovação -, é preciso ter inteligência para não fazer da prova um desafio ou uma medida maior do que ela realmente é. A ansiedade provocada pela pressão interna e externa podem levar até o mais preparado candidato à reprovação.
 
Para superar o exame de ordem é preciso, assim como na obtenção da CNH, ter muito controle emocional.



Treinar com provas anteriores é MUITO importante

Mesmo que alguém estude durante anos a teoria do futebol, isso não significa que ele terá um bom desempenho em campo, em uma situação real de jogo. Da mesma forma que se pode estudar natação na teoria e, no dia de entrar na água, afundar. Em que pese possa soar estranha a comparação, a realidade é que seu cérebro precisa estar treinado para a prova tanto quanto o seu corpo deve estar acostumado com os movimentos de um esporte para obter um bom desempenho.
 
Se o candidato não conhecer a forma como o conteúdo será exigido na prova, as chances de erro serão maiores. Portanto, o examinando não pode temer simulados ou o teste de seus conhecimentos, pois será através deles que o terreno da prova ficará mais amigável para o dia “D”.
 
Estas são quatro pequenas verdades sobre o exame de ordem que podem fazer muita diferença para quem está encarando pela primeira vez o certame e, também, para os reprovados que estão em processo de autoavaliação visando a retomada de fôlego para a próxima prova.
 
Bons estudos.
 
 

Avalie sua Preparação para a 1ª Fase da OAB

Use ferramentas para Avaliar sua Preparação para o Desafio!

Sempre há aqueles que preferem reinventar a roda e isso é um fato incontestável. Por mais que outras pessoas já tenham esgotado essa primordial invenção, tem gente que prefere inventá-la por conta própria, perdendo o foco naquilo que realmente importa. Caso você não tenha tempo a perder, gostaríamos de propor a utilização de uma ferramenta excelente para monitoramento de sua preparação para Exame de Ordem, levando em consideração justamente o tema central deste artigo, o MAPEAMENTO de competências / conhecimentos para sua aprovação.
 
Para que você possa otimizar seu tempo de estudo através da resolução de questões com acompanhamento de seu desempenho médio em cada matéria, gostaríamos de apresentar os serviços do site Prova da Ordem, especializado na aprovação de bacharéis em direito no Exame da OAB. Para seu melhor entendimento sobre alguns recursos do site, apresentamos as imagens a seguir, ilustrando como nosso sistema monitora seu aproveitamento médio por disciplina.
 
 

Gráfico monitoramento de desempenho médio por matéria

 
Ao longo dos anos em que o Exame de Ordem é aplicado, o site Prova da Ordem construiu uma base de conhecimento GIGANTESCA sobre o Exame, comportando em sua base de dados mais de 100 provas de 1ª e 2ª fase para que bacharéis de direito possam se preparar para o Exame de Ordem. Nas provas objetivas, a equipe de site fornece comentário sobre cada alternativa, apresentando fundamento legal ou jurisprudencial utilizado para interpretar a assertiva como falsa ou verdadeira. Para os examinandos de 2ª fase, o site disponibiliza um sistema online para que o examinando possa corrigir sua peça e questões discursivas, tudo isso sem sair de casa, ao alcance de um clique.
 
Além das provas disponíveis para estudo, o site também fornece material atualizado para sua melhor preparação, com resumos, apostilas, arquivos para download (planilhas, mapas mentais, cronogramas de estudo, etc), legislação em áudio e videoaulas públicas do youtube criteriosamente selecionadas.
 
Para mais detalhes sobre como conquistar sua aprovação na OAB, clique aqui.
 
 

Receba com exclusividade nossas publicações sobre o Exame de Ordem

Preencha seu nome e e-mail para ficar por dentro de todas as novidades sobre a Prova da OAB.

Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.