Absolutamente TUDO para sua Aprovação na OAB

Blog do Curso Prova da Ordem

por

Qual é o melhor Vade Mecum para a OAB?

O melhor Vade Mecum para a OAB deve ser escolhido com critério. Afinal, ele será seu melhor amigo durante a preparação para o certame e na 2a fase do exame.

A palavra Vade Mecum origina-se numa expressão latina que significa “vem comigo”. Isso faz bastante sentido para quem está se preparando para o Exame de Ordem, não é mesmo?

Vamos conhecer o melhor Vade Mecum para a OAB!

O melhor Vade Mecum para a OAB

Existe uma ampla variedade do Vade Mecum no mercado. A escolha é crucial, pois ele acompanhará você durante sua jornada de preparação e na prova da 2a fase. Mas é possível avaliar alguns pontos para optar pelo melhor Vade Mecum para a OAB.

E será que é possível verificar tais questões sem adquirir o Vade Mecum? Sem dúvida. 

Nos sites de venda, você pode, por exemplo, fazer o download de páginas de demonstração em produtos no formato digital. Em geral, as editoras disponibilizam as primeiras páginas do livro para consulta prévia.

Outra forma possível é consultar seus amigos e a internet. Procure saber o que eles acham desse compilado de legislação e veja os comentários nos portais.

Por fim, fique atento às duas questões que colocamos a seguir:

1. Conheça as principais diferenças entre as opções de Vade Mecum

As maiores diferenças entre as diversas opções de Vade Mecum do mercado aparecem: 1) na legislação complementar e nas remissões em artigos; 2) nos índices remissivos; e 3) na qualidade da impressão (papel, fonte, diagramação em geral).

1.1 Remissões e legislação complementar

A remissão é a citação de outras legislações relacionadas àquele tema e vem logo abaixo de um artigo. De modo geral, todos os códigos possuem remissões. Todavia, cada um deles tem uma lógica diferente para entrelaçar essas relações normativas. Elas nos ajudam a poupar muito tempo. Afinal, é possível chegar a uma determinada informação por meio de outro artigo que você estava consultando.

Além disso, ao escolher o melhor Vade Mecum para a OAB, é preciso observar a legislação complementar que ele oferece. Ela é suficiente para o ramo do Direito que você escolheu para a 2a fase? Essa é a pergunta principal!

Você pode ser da turma que leva duas opções de Vade Mecum para a prova (um “genérico” e outro específico). Mas confira se a legislação complementar de ambos atenderá a sua necessidade.

Combo de Apostilas para 1ª Fase OAB

📚 Combo de Apostilas para OAB

Material COMPLETO para sua Aprovação na OAB. São 25 apostilas digitais com mais de 50% de desconto! Ao fazer a compra do material, você ainda ganha 4 brindes exclusivos e tem direito às atualizações das apostilas pelo período de 12 meses. Ou seja, a garantia de material sempre atualizado e de qualidade, algo essencial para uma boa preparação. Ficou interessado(a)? Adquira o Combo de Apostilas do Curso Prova da Ordem por apenas 12x de R$ 18,27 no cartão de crédito ou R$ 199 no boleto.

Saiba mais sobre o Combo de Apostilas →

1.2 Índice remissivo

O índice remissivo é decisivo na hora de escolher o melhor Vade Mecum para a OAB. É por meio dele que você otimizará as suas buscas no momento da prova e durante a sua preparação. Como você já sabe, o tempo, para o Exame de Ordem, é um ponto crítico.

As palavras-chave do índice remissivo precisam ser intuitivas. Perdem-se minutos preciosos da prova se você precisa procurar muitas palavras para encontrar todos os artigos referentes a determinado tema.

Por isso, pegue algumas questões de provas anteriores para testar seu material. Faça a busca utilizando o índice remissivo do Vade Mecum e verifique se os artigos localizados solucionam satisfatoriamente as questões – de forma ágil, fluida, intuitiva. Caso você não consiga um índice em demonstrações de produtos digitais, peça aos colegas que possuem materiais diferentes.

1.3 Tenha cuidado com o material de impressão do Vade Mecum

Outra questão que também deve ser analisada ao escolher o material é o tipo de papel utilizado. Se as folhas do Vade Mecum são muito finas, a tinta das canetas marca-textos pode acabar transpassando o papel e marcando áreas indesejadas.

É importante observar: alguns livros inclusive fazem referência explícita em suas capas para que os usuários não utilizem canetas marca-textos: “Atenção: o uso de canetas marca-textos ou de ponta porosa é incompatível com o papel do produto”. Lembrando que essas canetas, independentemente da cor, são permitidas no Exame de Ordem.

2. Avalie o custo-benefício

O material mais caro não necessariamente será o melhor Vade Mecum para a OAB. Existem muitos fatores que influenciam na precificação de um livro, desde a editora até o número de envolvidos em sua produção. 

Porém, o fator efetividade independe do preço. Dessa forma, pense nos critérios anteriores que mencionamos para concluir qual é o melhor Vade Mecum para a OAB. Após refletir sobre as suas necessidades e pesquisar os pontos mencionados, você escolherá com segurança o melhor Vade Mecum para a OAB.

Independentemente da sua escolha, saiba que o mercado de preparação para o Exame de Ordem cresceu bastante. Atualmente, existe um leque bem variado de opções de qualidade para os OABeiros. Escolha sem medo de ser feliz. Veja no blog outras dicas para se dar bem no Exame de Ordem!

Plataforma de Questões Comentadas para 1ª Fase OAB

📲 Plataforma de Questões Comentadas

Conquiste sua Aprovação na 1ª Fase da OAB estudando através de Questões Comentadas! Resolver provas anteriores é a maneira mais eficaz de preparação para a prova objetiva da OAB. Ao utilizar essa técnica de estudo, os examinandos podem conhecer melhor a maneira que a banca examinadora exige o conteúdo, perdendo o medo da prova e adquirindo muito mais confiança para encarar o certame.

Saiba mais sobre esta técnica de estudo →

Receba com exclusividade nossas publicações sobre o Exame de Ordem

Preencha seu nome e e-mail para ficar por dentro de todas as novidades sobre a Prova da OAB.

Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.