Técnicas para resolver questões Objetivas – 1ª Fase OAB

Técnicas de estudos para provas objetivas

A 1ª fase do Exame de Ordem certamente será seu maior desafio em busca da aprovação. Muitos examinandos enganam-se ao acreditar que, por se tratar de questões objetivas, a 1ª fase tende a ser mais fácil. Ledo engano! O índice de reprovação da 1ª fase evidencia um fato incontestável: a FGV faz um grande “peneirão” na 1ª etapa, permitindo com que somente 20% dos examinandos, em média, passem para a próxima etapa.

Nesse sentido, estratégias que possibilitem um melhor desempenho na prova objetiva devem fazer parte de sua preparação para o Exame de Ordem. A matéria de hoje possui justamente este propósito, apresentar técnicas para transpor esse árduo desafio. Mas então vamos começar…

 

Podemos classificar as questões conforme sua preparação para resolvê-las!

Acima de qualquer técnica ou estratégia que possamos apresentar, você deve estar ciente que seu conhecimento sobre os assuntos cobrados no Exame de Ordem é a melhor forma de garantir sua aprovação. Apesar disso, sabemos que o conteúdo exigido nas 17 matérias é muito grande e ter completo domínio sobre todo esse conteúdo é humanamente impossível, sendo perfeitamente aceitável que você não saiba resolver algumas questões. Nessas questões em especial é que você poderá utilizar com maior eficácia as técnicas que aqui serão apresentadas.

Questões para Chutar

Não deixe nenhuma questão sem resposta. Por mais que você desconheça totalmente o assunto, se você chutar qualquer uma das alternativas, mesmo assim terá 25% de chance de lograr êxito. Para fazer um “chute consciente” utilize do bom senso e lógica. Elimine as alternativas que provavelmente estejam incorretas e faça sua escolha!

Questões que você detém domínio sobre o assunto

Você não precisa resolver a prova na mesma sequência em que esta foi elaborada. As matérias que você detém maior conhecimento devem ser as primeiras a serem respondidas, visando não diminuir seu aproveitamento nessas matérias diante do cansaço mental do final de prova. Para saber a ordem de disposição das matérias na prova de 1ª fase, clique aqui.

Questões Complexas

Não perca tempo com questões muito complexas, que exijam muito de seu tempo para identificar a alternativa correta. Se você fizer alguns cálculos, verá que descontando os intervalos e tempo designado para preencher o cartão resposta (10 a 15 mins),você terá em média 3 minutos e 30 segundos para resolver cada uma das 80 questões. Deixe as questões complexas para serem resolvidas por último, conforme o tempo que você tenha disponível ao final de sua prova.

 

Algumas técnicas que facilitam a resolução das questões

De modo geral, grande parte das questões da 1ª fase do Exame de Ordem possuem a mesma mecânica. Das 4 alternativas, duas são facilmente descartadas por estarem evidentemente incorretas. Não raro, as outras duas alternativas são muito próximas e a distinção entre certa / errada será apontada nos mínimos detalhes, levando o examinando ao erro. A seguir, apresentamos algumas técnicas para melhorar seu aproveitamento, diante das inúmeras armadilhas montadas pela FGV.

Circule palavras importantes do enunciado da questão: sempre que o enunciado apresentar palavras como correta / incorreta, certa / errada, sim / não faça uma marcação que a identifique, para que você não caia no erro de marcar a alternativa correta, quando o enunciado solicitar a incorreta.

Termos generalizadores tendem a estar incorretos: generalizações no Direito são sempre muito perigosas. A utilização de sempre, todos,nunca, jamais geralmente estão associados a assertivas incorretas.

Elimine de cara as duas alternativas altamente improváveis: sempre que você tiver dificuldades para responder uma questão da prova objetiva, a melhor técnica para tentar acertar a alternativa correta é eliminar as duas assertivas altamente improváveis, de forma a aumentar suas chances estatísticas de acerto.

A alternativa correta tende a possuir texto maior que as demais alternativas: em virtude da grande polêmica acerca da elaboração das provas, a banca organizadora do Exame de Ordem necessita que a alternativa correta esteja impecável, primando pelo seu maior detalhamento. Com intuito de evitar o maior número possível de recursos para anulação de questões com veracidade questionável, a FGV tende a produzir um texto maior para as alternativas corretas, evitando que detalhes passem despercebido e possam ocasionar anulações.

Afirmações que se repetem nas alternativas de resposta geralmente estão corretas: aumente sua atenção para afirmações repetidas nas alternativas de resposta. Geralmente quando há repetição de uma afirmação (em 2, 3 ou nas 4 alternativas) é porque esta afirmação está correta, mesmo que o restante do texto que compõe a assertiva apresente detalhes que a torne incorreta.

Deixe seu Comentário