Vantagens de quem Trabalha e Estuda

vantagens de quem trabalha e estuda
Diversos são os relatos de pessoas que decidem abandonar o trabalho dedicar-se aos estudos exclusivamente, acreditando que isso trará mais tranquilidade e tempo para aprender. Ocorre que essa escolha também traz algumas consequências, sendo a principal delas a ausência de percepção financeira.
 
Há quem não precise trabalhar e consiga seguir esta estratégia sem as consequências psicológicas negativas de não se ter uma renda para suprir suas necessidades básicas, mas a realidade da maioria dos brasileiros não deixa muitas opções além de enfrentar o desafio de estudar e trabalhar ao mesmo tempo.
 
E como o que não tem remédio, remediado está, a solução é adaptar-se a esta realidade. Mas não se assuste, não há nada que uma boa dose de disciplina e responsabilidade não resolvam.
 
E para começar a falar sobre este assunto, separei cinco vantagens de quem trabalha e mesmo assim consegue tempo para estudar.

1 – Colocação no mercado de trabalho

Uma das maiores dificuldades para os profissionais que estão ingressando no mercado da advocacia é encontrar oportunidade em um bom escritório, e, quem sabe, com possibilidade de crescimento dentro da sua estrutura. Todavia, o mercado de trabalho para os novos advogados está cada vez mais acirrado, no Brasil são formados aproximadamente 10 novos bacharéis em direito por hora! A lei da oferta e procura, nesse caso, está contra os novos aspirantes da advocacia. Nesse cenário, encontrar ou estabelecer seu lugar ao sol demandará com certeza muita dedicação.
 
Levando isso em consideração, é possível dizer que aqueles que já possuem um emprego, seja em escritório de advocacia ou área relacionada, estão na frente nessa corrida. Em que pese seja mais vantajoso, evidentemente, que a área que você esteja trabalhando se conecte com o Direito, qualquer profissão deixa, de certa forma, uma sensação de tranquilidade. Permitindo, assim, que o estudo se desenvolva melhor.
 
 

2 – Network

Boa parte do sucesso profissional do Bacharel em Direito está diretamente relacionado aos círculos sociais em que este está inserido. Desta forma, aquele que não está no mercado de trabalho, com certeza deixa de estabelecer relações que podem fazer diferença mais à frente. Portanto, estar trabalhando não pode ser visto necessariamente como algo que age em detrimento do estudo, mas que complementa, inclusive, a construção da carreira profissional no futuro.



3 – Contato social

Já escrevi aqui no Prova da Ordem sobre as principais diferenças entre os cursos preparatórios na modalidade online e presencial, e uma das coisas que conta a favor do curso presencial é a troca de experiências que o contato com outras pessoas que estão estudando proporciona. Considerando que o ser humano é um ser social, estar em contato com outras pessoas pode ter influência positiva no seu aprendizado.
 
 

4 – Disponibilidade financeira

Um fato incontestável: prepara-se para o Exame de Ordem não é algo barato. Com números modestos, incluindo o básico (curso preparatório, vade mecum e inscrição), o custo por edição pode facilmente chegar aos R$ 1.000,00 (mil reais).  Não raro os candidatos dependem do auxílio de familiares para poder arcar com os custos inerentes ao Exame da OAB. Há até mesmo aqueles que deixam de fazê-la em algumas oportunidades por não ter disponibilidade financeira para enfrentar o desafio em duas ou mais oportunidades consecutivas.
 
Por essa razão, ter um emprego também é uma vantagem na medida em que proporciona uma fonte de renda que pode contribuir para que o candidato tenha acesso a bons materiais e não deixe de fazer a prova por ausência de recursos.



5 – Menos tempo, mais disciplina

O que mais causa “inveja” em quem tem que trabalhar,  é o tempo que sobra para quem opta por apenas dedicar-se aos estudos. Todavia, nem sempre ter mais tempo significa aprender mais. A realidade é que a ausência de planejamento estudos é uma das coisas que mais atrapalham a maioria dos examinandos. Seguir um roteiro de estudos bem construído e manter a disciplina necessária para segui-lo à risca, é muito mais eficaz que ter horas sobrando na agenda. Ou seja, ter menos tempo pode ser positivo na medida em que, de certa forma, força o estudante a ter maior cuidado na hora de direcionar o pouco tempo disponível, otimizando os processos e conseguindo um resultado igual ou até mesmo superior.
 
E você?
Acha que vale a pena largar tudo para apenas estudar ou é possível fazer as duas coisas ao mesmo tempo sem prejuízo de nenhuma delas?
 
Deixe sua opinião nos comentários!!
 
 

Deseja sua Aprovação na OAB?

Estude através das Provas Anteriores do Exame de Ordem!

Se você está com dificuldades para conquistar sua aprovação no Exame de Ordem você PRECISA conhecer os serviços do site Prova da Ordem, especializado na aprovação de bacharéis em direito no Exame da OAB. Ao longo dos anos em que o Exame de Ordem é aplicado, o site Prova da Ordem construiu uma base de conhecimento GIGANTESCA sobre o Exame, comportando em sua base de dados mais de 100 provas de 1ª e 2ª fase para que bacharéis de direito possam se preparar para o Exame de Ordem. Nas provas objetivas, a equipe de site fornece comentário sobre cada alternativa, apresentando fundamento legal ou jurisprudencial utilizado para interpretar a assertiva como falsa ou verdadeira. Para os examinandos de 2ª fase, o site disponibiliza um sistema online para que o examinando possa corrigir sua peça e questões discursivas, tudo isso sem sair de casa, ao alcance de um clique.
 
Além das provas disponíveis para estudo, o site também fornece material atualizado para sua melhor preparação, com resumos, apostilas, arquivos para download (planilhas, mapas mentais, cronogramas de estudo, etc), legislação em áudio e videoaulas públicas do youtube criteriosamente selecionadas.
 
Para mais detalhes sobre como conquistar sua aprovação na OAB, clique aqui.

 
 

Deixe seu Comentário