Absolutamente TUDO para sua Aprovação na OAB

Blog do Curso Prova da Ordem

Avatar Lucas Avila

por

Advogado, especialista na Prova da OAB e técnicas de estudo.

Qual área paga mais no Direito?

Qual área paga mais no Direito? Essa é uma pergunta que todos os aspirantes à carreira jurídica já se fizeram pelo menos uma vez.
 
Tanto na iniciativa pública como na privada, a carreira de Direito oferece diversas possibilidades de atuação.
 
Considerando o constante aumento do número de vagas do curso de Direito, com um mercado de trabalho cada vez mais disputado, a escolha da área em que deseja atuar se torna ainda mais importante.
 
Não há dúvidas de que a faculdade de Direito, a despeito de qualquer superpopulação do mercado, ainda é um dos cursos que oferece ótimas oportunidades salariais, notadamente àquele que estiver disposto a investir nos estudos, adquirir experiência ou especializar-se em alguma área.
 
Sendo esta, certamente, uma das razões que faz com que o curso de Direito figure recorrentemente entre os mais concorridos dos vestibulares do País.
 
No serviço público, por exemplo, a remuneração pode ultrapassar os R$ 20 mil, o que justifica porque o mercado de cursos preparatórios está sempre aquecido e a concorrência para estes cargos seja tão alta.
 
O mesmo vale para o âmbito privado. Considerando a diversidade de nichos em que o profissional da advocacia pode atuar, as oportunidades e os ganhos para quem se especializa em áreas em determinadas áreas são bastante interessantes.
 
Conquistar seu espaço no Direito custará esforço, estudo, estratégia e um pouco de sabedoria no momento de escolher sua área de atuação.
 
Por isso, nesta publicação trarei alguns números para que você possa descobrir:
 
 

Qual área paga mais no Direito?

 
Inicialmente, irei classificar as áreas de atuação possíveis no curso de Direito em dois grupos:
 
Advocacia: Trabalho como advogado sem vínculo público, exercendo atividades típicas. Nesse caso, o profissional somente poderá atuar após ser aprovado no Exame de Ordem.
 
Atuação Jurídica: Atividades voltadas ao serviço público, como assistentes judiciários, defensores públicos, delegados, promotores, procuradores e juízes.
 
 

Confira Por que a Faculdade de Direito Não Garante a Aprovação na OAB?

 
 
 

Na área da Advocacia, Qual área paga mais no Direito?

 
Em um primeiro momento você pode ter o ímpeto de verificar diretamente (mais abaixo) a remuneração dos empregos públicos que, além de salários bem atraentes, garantem a tão sonhada estabilidade.
Notadamente porque, é bem verdade, na advocacia privada os ganhos podem demorar um pouco a aparecer.
 
Apesar disso, nem tudo na labuta privada são empecilhos, existem bônus tão atrativos, senão melhores, tanto em relação à remuneração, quanto ao regime de trabalho.
 
No serviço público, por exemplo, o profissional está sujeito ao teto salarial de R$ 33.763,00. Enquanto na advocacia privada, não há limites.
 
Enquanto no serviço público há rigidez em relação à jornada de trabalho, como profissional independente, ela estará em suas mãos.
 

 
Qual área paga mais no Direito? - Advogado Tributarista

Advogado Tributarista

Média salarial: R$ 3.500,00
 
Advogado Sênior: entre R$ 8.500 e R$ 21.000
Advogado Pleno: entre R$ 6.200 e R$ 14.500
Advogado Júnior: entre R$ 3.800 e R$ 8.000
 
O advogado tributarista irá atuar em questões jurídicas ligadas a impostos e planejamentos fiscais.
 
 
 

Advogado Empresarial

Média salarial: R$ 3.700,00
 
Advogado Sênior: entre R$ 8.100 e R$ 22.000
Advogado Pleno: entre R$ 5.600 e R$ 12.000
Advogado Júnior: entre R$ 3.800 e R$ 7.200
 
Advogado especialista em Direito Empresarial, atua em questões ligadas ao universo jurídico de uma corporação. Atualmente é um dos ramos mais promissores.
 
 
 
Qual área paga mais no Direito? - Advogado Imobiliário

Advogado Imobiliário

Média salarial: R$ 3.800,00
 
Advogado Sênior: entre R$ 6.000 a R$ 12.200
Advogado Pleno: entre R$ 5.000 a R$ 7.700
Advogado Júnior: entre R$ 3.500 a R$ 5.000
 
O especialista em Direito Imobiliário irá atuar com questões relativas a negociações e uso de imóveis no país.
 
 
 

Advogado Trabalhista

Média salarial: R$ 3.300,00
 
Advogado Sênior: entre R$ 5.300 e R$ 13.500
Advogado Pleno: entre R$ 4.000 e R$ 9.500
Advogado Júnior: entre R$ 3.000 e R$ 5.000
 
O Advogado Trabalhista trata das relações entre empresas e trabalhadores e que tem passado por importantes mudanças no país recentemente.
 
 
 
Qual área paga mais no Direito? - Advogado Criminalista

Advogado Criminalista

Média salarial: R$ 4.000
 
O advogado criminalista pode ter ganhos exorbitantes, por isso, é difícil detalhar quanto cada categoria de advogado (Sênior, Pleno e Júnior), costuma perceber de remuneração.
 
Todavia, sem dúvida alguma, esta é uma das áreas de atuação com maiores possibilidades de ganho. Afinal de contas, este profissional lida diretamente com um dos bens mais valiosos, a liberdade.
 
 
 

Advogado Civilista

Média salarial: R$ 2.600
 
Advogado Sênior: entre R$ 8.600 e R$ 17.000
Advogado Pleno: entre R$ 6.000 e R$ 13.500
Advogado Júnior: entre R$ 3.300 e R$ 7.500
 
O especialista nesta área trata de inúmeras situações envolvendo as relações sociais em geral. É um dos mais amplos ramos da atividade jurídica.
 
 
 

Sistema de Provas Online

Conquiste sua Aprovação na 1ª Fase da OAB estudando através de Questões Comentadas! A melhor técnica de estudo é a prática na resolução de questões de edições anteriores.

Saiba mais sobre esta técnica de estudo

 
 
 

Na área de Atuação Jurídica, Qual área paga mais no Direito?

 
Na atual conjuntura econômica do Brasil, a estabilidade da carreira pública é um dos grandes atrativos dos dos concursos públicos.
 
Juntamente com os altos salários, estes são os principais fatores que fazem com que muitas pessoas optem pelo setor público em relação à iniciativa privada.
 
Com remunerações que facilmente variam entre 7 mil e 24 mil reais mensais, abaixo veja a das carreiras que melhor remuneram no setor público:
 
 
 

Procurador do Trabalho

Salário inicial: R$ 24 mil
 
Para exercer este cargo, você deve ser formado em direito e ter, no mínimo, tempo de prática forense de 3 anos.
 
Em suma, faz às vezes de Ministério Público do Trabalho, incumbido de combater ilícitos trabalhistas.
 
 
 
Qual área paga mais no Direito? - Juiz Federal

Juiz Federal

Salário inicial: R$ 25 mil
 
Para exercer esta atividade, você deve ser bacharel em direito, bem como possuir o mínimo de três anos de atividade jurídica comprovada. É um concurso que tem ocorrido com certa frequência em razão da renovação constante dos profissionais e aumento do número de vagas.
 
Em suma, sua atividade laboral consiste em julgar as ações em que a União, suas autarquias e empresas públicas federais são, de alguma forma, interessadas. Além de mais algumas competências que também lhe cabem.
 
 
 

Juiz estadual

Salário inicial: R$ 22 mil
 
Para o exercício deste cargo, você deve possuir bacharelado de Direito, bem como três anos de atividade jurídica comprovada.
 
Em suma, sua função é julgar conflitos de interesses entre pessoas físicas; entre pessoas jurídicas; entre pessoas jurídicas e pessoas físicas; bem como entre público e privado.
 
 
 

Defensor público estadual

Salário inicial: R$ 19 mil
 
Para assumir este cargo, você deverá ser bacharel em direito, aprovado no exame de ordem, além de possuir comprovada prática forense. Atua realizando orientação jurídica, promoção dos direitos humanos e a defesa, em todos os graus, judicial e extrajudicial, dos direitos individuais e coletivos, de forma integral e gratuita, aos necessitados.
 
 
 

Defensor público federal

Salário inicial: R$ 17 mil
 
Para o investidura nesse cargo, você deve ser bacharel em direito e comprovar 2 anos de prática jurídica.
 
Sua atividade consiste na produção de orientação jurídica, promoção dos direitos humanos e a defesa, em todos os graus, judicial e extrajudicial, dos direitos individuais e coletivos, de forma integral e gratuita àqueles que não têm recursos suficientes para contratar advogado sem prejuízo do próprio sustento e da família.
 

 
Qual área paga mais no Direito? - Advogado da União

Advogado da União

Salário inicial: R$ 17 mil
 
Para o exercício deste cargo, você deve ser bacharel em direito e possui inscrição nos quadros da OAB. Além disso, 2 anos de prática jurídica.
 
Sua atividade consiste em representar a União, judicial e extrajudicialmente, cabendo exercer as atividades de consultoria e assessoramento jurídico do Poder Executivo Federal.
 
 
 

Procurador da Fazenda Nacional

Salário inicial: R$ 17 mil
 
Para atuar nesta função, você deve ser formado em direito e ter, no mínimo, dois anos prática jurídica comprovada.
 
Sua atividade consiste em exercer a defesa judicial da União Federal nas ações tributárias, bem como administra a Dívida Ativa da União Federal conforme art. 131, parágrafo 3º da Constituição Federal, cobrando o crédito tributário da União Federal, além da consultoria jurídica do Ministério da Fazenda.
 
 
 

Delegado da Polícia Federal

Salário inicial: R$ 14 mil.
 
Para assumir o cargo de Delegado da Polícia Federal, você deve ser bacharel em Direito.
 
Sua atividade consiste em exercer a atividade policial no combate aos crimes praticados em detrimento do patrimônio e serviço da União Federal, destacando-se ainda o policiamento de fronteiras e o combate ao tráfico internacional de entorpecentes.
 
 
 

Delegado da Polícia Civil

Salário inicial: Variável entre R$ 9 mil a R$ 15 mil.
O delegado exerce primordial etapa do efetivo exercício de polícia judiciária. “De acordo com o artigo 144 da Constituição, atua em segurança pública, preservação da ordem pública, apura infrações penais, que não militares, e assuntos ligados à incolumidade das pessoas, e do patrimônio das pessoas”.
 
 
 

Auditor da Receita Federal

Salário inicial: Aproximadamente R$ 14 mil.
 
Este profissional cuida do lançamento de débitos tributários, além das atividades de fiscalização dos contribuintes, com acesso aos recursos inerentes à verificação da regularidade do recolhimento dos tributos e também das obrigações tributárias acessórias.
 
 
 
Qual área paga mais no Direito? - Diplomata

Diplomata

Salário inicial: R$ 14 mil
 
Para o exercício deste cargo, você deve possuir curso de nível superior completo.
 
O diplomata tem por função representar o Brasil no exterior, informar o Ministério das Relações Exteriores (MRE) acerca de informações tidas como relevantes e negociar em nome do Brasil nos foros internacionais.
 
 
 

Auditor Fiscal do Trabalho

Salário inicial: R$ 14 mil
 
Para ser investido nesta função você deve possuir graduação em curso de nível superior em qualquer área.
 
Sua função será fiscalizar das relações de emprego, verificando se as empresas cumprem as normas trabalhistas, bem como as normas de segurança de trabalho, protegendo o trabalhador, relativamente aos seus direitos e protegendo a sua própria vida.
 
 
 

Agente da Polícia Federal

Salário inicial: R$ 7 mil
O requisito para investidura como Agente da Polícia Federal é ter curso de nível superior.
 
O Agente da Polícia Federal realiza investigações, diligências e levantamentos necessários à investigação de crimes cuja atribuição seja da Polícia Federal, para repressão e prevenção dos mesmos, além de executar outras atividades administrativas e atividades de segurança pública em casos específicos, como na realização de eventos.
 
 
 
Qual área paga mais no Direito? - Analista do INSS

Analista do INSS

Salário inicial: R$ 7 mil
Para tornar-se Analista do INSS, você deverá ter formação superior, mas ela irá variar de acordo com especificação do edital.
 
Analistas possuem diversas áreas de atuação, a depender da formação exigida para o cargo.
 
 
Este foi, portanto, o levantamento e apresentação da remuneração das áreas e cargos mais procurados atualmente.
 
Evidentemente que ao escolher sua área de atuação, não deve ser considerado apenas de Qual Área Paga mais no Direito, mas, além de outras coisas, a vocação para exercer a atividade pretendida.
 
E se você achou essa informação útil, não esqueça de compartilhar.
 
 
 

Combo de Apostilas para OAB

Ter um material base para nortear seus estudos é essencial para um bom desempenho na Exame da OAB e você não tem tempo a perder, utilize sempre materiais de qualidade e ATUALIZADOS!

Saiba mais sobre o Combo de Apostilas

 
 

Receba com exclusividade nossas publicações sobre o Exame de Ordem

Preencha seu nome e e-mail para ficar por dentro de todas as novidades sobre a Prova da OAB.

Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.