Confira detalhes da morte de Eduardo Campos

Confira detalhes da morte de Eduardo Campos

Eduardo Henrique Accioly Campos nasceu em Recife/PE, em 10 de agosto de 1965. O candidato à Presidência da República falecido na manhã desta quarta-feira (13/08) era graduado em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE),cumpriu um mandato como Deputado Estadual e três como Deputado Federal por Pernambuco, foi nomeado 55º Governador de Pernambuco, além de ter sido ministro da Ciência e Tecnologia do Brasil durante o 1º mandato do governo Lula.

 

Detalhes do acidente aéreo morte Eduardo Campos

Eduardo Campos era neto do também político Miguel Arraes, que em 1979 retornou ao Brasil após 15 anos no exílio. Eduardo desde cedo conviveu com nomes emblemáticos da política local e nacional e faleceu 9 anos após a morte de seu avô,numa triste coincidência de datas.

 

Sobre o Acidente

O candidato à presidência pelo PSB faleceu esta manhã após a queda do jato particular em que viajava em um bairro residencial em Santos, no litoral paulista. Eduardo havia completado 49 anos no último domingo e estava em viagem para sua campanha presidencial quando o acidente ocorreu. A origem do voo foi o aeroporto de Santos Dumont (RJ),com destino a Santos.

A aeronave utilizada era um Cessna 560XL (prefixo PR-AFA),com capacidade máxima de 10 passageiros. O avião de pequeno porte era regularmente utilizado por Eduardo Campos em sua campanha.

De acordo com a assessoria do candidato, ele participaria às 8h,às 9h30 e às 14h30 de entrevistas às emissoras de televisão locais. Às 10h30, concederia entrevista coletiva e às 12h30 participaria de um seminário sobre o Porto de Santos. A bordo da aeronave estavam sete pessoas – cinco passageiros e dois tripulantes. Veja a lista dos mortos:

1)  Eduardo Henrique Acioly Campos,candidato à presidência;

2)  Pedro Almeida Valadares Neto,assessor de campanha e ex-deputado federal;

3)  Carlos Augusto Ramos Leal Filho,assessor conhecido como Percol;

4)  Alexandre Severo Gomes da Silva,fotógrafo;

5)  Marcelo de Oliveira Lyra,cinegrafista;

6)  Marcos Martins,piloto;

7)  Geraldo da Cunha,piloto.

A Polícia Federal enviou seis peritos para Santos a fim de trabalhar na apuração da causa do acidente. Aeronáutica e Polícia Civil também vão investigar. Chovia no momento do acidente.  Testemunhas do acidente relatam que viram o avião já em chamas antes da queda. O mesmo teria evitado a colisão contra dois prédios antes de cair. No momento da queda houve uma grande explosão e diversas pessoas ficaram feridas devido aos destroços da aeronave e vidros quebrados devido ao grande impacto.

 

 

Confira Imagens do Acidente

 

Acidente aéreo morte Eduardo Campos
Acidente aéreo morte Eduardo Campos
Acidente aéreo morte Eduardo Campos
Acidente aéreo morte Eduardo Campos
Acidente aéreo morte Eduardo Campos

 
 

Deixe seu Comentário