Resolver Provas Anteriores da OAB ajuda na preparação?

Resolver provas anteriores da OAB
Resolver provas anteriores da OAB, comprovadamente, é uma das práticas mais eficientes de preparação para o Exame de Ordem.
 
Não é atoa que na Avaliação de 10 Técnicas de Estudos para Exame da OAB, ela destoa em efetividade em relação aos demais métodos avaliados.
 
Considerando que o Exame de Ordem é uma avaliação diferente das demais, conhecer o modus operandi da Banca, bem como quais assuntos costumam ser exigidos, pode resultar em vantagem significativa.
 
Não obstante, a prática de resolver provas anteriores da OAB facilita a assimilação do conteúdo estudado, trazendo a percepção exata sobre o raciocínio necessário para que seja respondida a questão.
 
Dada a importância desta prática, a seguir passarei a dispor algumas dicas para que você potencialize o uso desta prática.

Quais são os benefícios de resolver provas anteriores da OAB?

Resolver Provas anteriores da OAB é a melhor forma para testar seus conhecimentos.
 
A maneira mais segura de errar é por meio de provas já aplicadas. Afinal de contas, não vale absolutamente nada, senão o aprendizado.
 
Ao responder questões, você terá uma visão melhorada sobre seus pontos fortes e fracos.
 
Assim, ao perceber que em determinada matéria você ficou com baixo aproveitamento, poderá direcionar seus estudos para suprir essa deficiência.
 
Naquelas disciplinas em que você apresentar bom desempenho, poderá revisar mais do que propriamente aprofundar-se nos temas, por exemplo.
 
Mas lembre-se, a prova abordará assuntos já abordados em provas anteriores, no entanto, serão questões totalmente inéditas.
 
Por isso, utilize a prática de resolver provas anteriores da OAB para balizar sua preparação, no entanto, não encare o desempenho em questões simuladas como certeza de sucesso na prova real.
 
 

Memorize com mais facilidade ao Resolver Questões de Provas Anteriores da OAB

Nossa memória é rebelde. Ela tem critérios próprios para definir o que é ou não é prioridade para memorização.
 
E, nem sempre, o que ela encara como importante é aquilo que gostaríamos que fosse armazenado – pois é.
 
Muito do que estudamos fica “suspenso” em nossa memória recente e não necessariamente passará para memória permanente.
 
Para ajudar nossa memória nessa tarefa, é preciso acessar com frequência o conteúdo estudado, fazendo com que nossa mente compreenda que você deseja que determinada informação fique acessível.
 
Ao Resolver Provas Anteriores da OAB, você estará fazendo exatamente isso, demonstrando para seu cérebro que aquele tipo de informação é importante e precisa ser memorizada.
 
 

Descubra como a prova funciona

Como mencionado no início deste post, Resolver Provas Anteriores da OAB é o único caminho para que você conheça e se adapte às características únicas do Exame de Ordem, como: limite de tempo, dificuldade das questões, volume de texto etc.
 
Ao ter contato com provas anteriores, você poderá compreender e traçar estratégias para superar cada um desses obstáculos, evitando surpresas no dia da prova.

Melhorar o desempenho na 2ª Fase da OAB

A mesma lógica trabalhada até aqui também se aplica às provas anteriores da fase prático-profissional do Exame de Ordem.
 
Ao resolver provas anteriores da 2ª fase da OAB você irá aprimorar sua:
 

  • gestão do tempo;
  • estrutura do esqueleto e redação da peça;
  • capacidade argumentativa;
  • poder de síntese;
  • organização das informações;
  • etc.

Arrisco dizer, inclusive, que na 2ª fase é ainda mais importante resolver provas anteriores da OAB.
 
 

Cuidados ao resolver provas anteriores da OAB

Resolver provas anteriores da OAB é, sem sombra de dúvidas, o melhor método de estudo para OAB. Mesmo assim, você precisará ter alguns pequenos cuidados para usufruir positivamente de todos os benefícios que esta prática oferece.
 
 

Esteja atento para questões desatualizadas

O Direito, como vocês bem sabem, está em constante mudança, seja pelo surgimento de novas normas, revogação de outras ou mudanças de entendimentos dos tribunais.
 
Sendo assim, esteja alerta para eventuais questões que possuam como base um fundamento que não está mais em vigor.
 
Apesar disso, deparar-se com uma questão desatualizada também é uma grande oportunidade de aprendizado.
 
Ao perceber que a questão possui um fundamento superado, imediatamente você se atualizará, ficando por dentro das mudanças legislativas.
 
Assim, em vez de ser algo negativo, deparar-se com uma questão com legislação revogada ou alterada, é, na verdade, uma forma muito eficiente de manter-se atualizado.
 
 

Questões Comentadas da OAB

 
 

Deixar de lado o estudo teórico

Resolver Provas Anteriores da OAB é um grande instrumento de estudo, mas ele não substituirá o estudo da teoria.
 
Para validar a resolução de questões, sempre busque o fundamento teórico que sustenta o gabarito.
 

Aprenda também com as alternativas incorretas

Embora o cerne da questão esteja respondido na alternativa correta, aquelas consideradas incorretas também podem trazer aprendizados relevantes em relação ao assunto do exercício.
 
Estude-as!
 

Chutes NÃO são acertos

Se você chutou e acertou no dia da prova, show! Mas se você chutou e acertou durante a prática de resolver questões de provas anteriores da OAB, não comemore.
 
Quando isso ocorrer, seja honesto consigo mesmo e trate como uma questão errada.
 

Fique atento às pegadinhas tradicionais

A banca utiliza de artifícios, nem sempre agradáveis, para tornar uma alternativa incorreta. São as famigeradas “pegadinhas”.
 
Quando você se deparar com essas situações, anote para não incorrer no mesmo erro.
 
 
Por hoje era isso. Espero que com essas dicas você possa aproveitar ainda mais a experiência de resolver provas anteriores da OAB, alcançando a sonhada aprovação com menos sofrimento.
 
 
 

Sistema de Provas Online

Conquiste sua Aprovação na 1ª Fase da OAB estudando através de Questões Comentadas! A melhor técnica de estudo é a prática na resolução de questões de edições anteriores.

Saiba mais sobre esta técnica de estudo

 
 
 
 

Deixe seu Comentário