Fez 37, 38 ou 39 acertos no Exame da OAB? Veja qual rumo seguir!

Fez 37, 38 ou 39 acertos no Exame da OAB? Veja qual rumo seguir!
O Exame de Ordem não é uma avaliação convencional. O certame é aplicado três vezes ao ano, sendo composto por duas fases, com datas distintas, havendo possibilidade de recurso em ambas as etapas.
 
Feita esta breve apresentação, podemos concluir que o calendário é um dos maiores adversários dos candidatos que almejam a aprovação no exame de ordem – dado o exíguo tempo de preparação existente entre as provas.
 
Somente quem já ficou entre os 37 e 39 acertos no Exame da OAB sabe como é difícil a tomada de decisão acerca de como proceder em relação ao seu futuro no Exame de Ordem, um dos maiores desafios do bacharel em direito.
 
Mas como o  OABeiro é esperançoso por natureza, basta que surjam questões passíveis de anulação para que a esperança vislumbre uma luz no fim do túnel que possa lhe garantir o ingresso para a prova de 2ª fase. 
 
De toda sorte, o problema é que o resultado definitivo da 1ª fase é divulgado restando pouquíssimo tempo para a prova prático-profissional. É então que surge a dúvida:
 

Estou com 37, 38 ou 39 acertos no Exame da OAB, enquanto aguardo o resultado, qual deve ser meu foco?

 
Para auxiliá-los nesta importante decisão, ao longo desta publicação irei traçar alguns possíveis cenários para examinandos que tenham alcançado 37, 38 e 39 acertos no Exame da OAB e estão diante do seguinte dilema: iniciar a preparação para 2ª Fase ou recomeçar seus estudos para a prova objetiva?. Mas antes de começar, vejamos o panorama de anulações ao londo destes últimos anos…
 
 

Histórico de Anulações

XIV Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XV Exame de Ordem – 2 questões anuladas
XVI Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XVII Exame de Ordem – 2 questões anuladas
XVIII Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XIX Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XX Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
(1 questão anulada nesta edição, na prova reaplicada em Salvador/BA)
XXI Exame de Ordem – 2 questões anuladas
XXII Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XXIII Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XXIV Exame de Ordem – 01 questão anulada
XXV Exame de Ordem – nenhuma questão anulada
XXVI Exame de Ordem – ?????

 

Examinandos que somaram 37 acertos

Para aqueles que ficaram na casa dos 37 acertos, o histórico de anulações não é muito promissor. Nesta edição temos algumas questões passíveis de anulação, mas considerando o retrospecto, mais que duas anulações é uma hipótese bastante remota. Carecendo, ainda, que 3 destas sejam justamente as que você tenha ERRADO, para que as anulações possam efetivamente majorar sua nota.
 
Minha recomendação, de forma fria e direta, é que você volte totalmente seu foco na preparação para a próxima edição da prova objetiva do exame da OAB, tendo em vista que suas chances, infelizmente, são bem pequenas. Não deixe se enganar por propostas marketeiras de “seguro”, para possivelmente trocar de curso de 2ª fase / 1ª fase. Mantenha seu foco na preparação para prova objetiva e aguarde o resultado definitivo sem grandes esperanças.
 
 

Candidatos com 38 acertos

A turma dos 38 acertos pode se sentir otimista, já que até o momento estão sendo vislumbradas duas questões passíveis de anulação na 1ª fase do XXVI Exame da OAB. Mas ainda assim, se levarmos em conta o histórico de anulações das últimas 10 edições do Exame de Ordem, é preciso ter muita cautela antes de se agarrar com unhas e dentes na chance de duas questões serem de fato anuladas pela banca da FGV/OAB. Além de que, em caso de duas anulações, será preciso que você aproveite ambas para alcançar à aprovação.
 
O que fazer nesse caso?
Minha recomendação seria para que você mantenha seu foco na preparação para prova objetiva, dando maior ênfase na matéria que você escolheu para a prova de 2ª fase, em um possível cenário de 2 anulações que majorarem sua nota.

O possível otimismo aos que somaram 39 acertos na prova objetiva

Quem fez 39 acertos pode ser um pouco mais otimista. Considerando que existem ao menos TRÊS Questões Passíveis de anulação no XXVI Exame de Ordem, você precisaria aproveitar apenas uma das questões anuladas para obter êxito.
 
Em razão disso, indico para aqueles que erraram as duas questões passíveis de recurso que voltem o foco para preparação para 2ª fase.
 
Se você não estiver tão otimista, é valida a mesma indicação que dei aos que somaram 38 acertos.
 
 

Sobre Recursos no XXVI Exame da OAB

O Prazo Recursal contra o resultado preliminar da Prova Objetiva do XXVI Exame de Ordem será do dia  21/08 a 24/08, sendo o resultado definitivo divulgado, em princípio, no dia 27/08.
 
 
Vale ressaltar que estas recomendações são fruto de anos de experiência analisando, acompanhando e escrevendo sobre o certame, a fim de iluminar possíveis obscuridades nas mentes inquietas que não sabem direito o que fazer em momentos que o Exame de Ordem nos coloca diante de uma encruzilhada.
 
Mas o mais importante, com certeza, é que você opte por uma ação que lhe dê segurança e lhe traga conforto para continuar estudando em busca da aprovação no Exame de Ordem. Se você nunca parar de estudar ela virá, com certeza!
 
Bons estudos.
 
 

Combo de Apostilas para OAB

Ter um material base para nortear seus estudos é essencial para um bom desempenho na Exame da OAB e você não tem tempo a perder, utilize sempre materiais de qualidade e ATUALIZADOS!

Saiba mais sobre o Combo de Apostilas

 
 
 

Deixe seu Comentário